Aventura

Lousã, um Mundo de Aventuras

Apelidada de Paraíso Todo o Terreno, a Vila da Lousã há muito se tornou popular pelas excepcionais condições que oferece para a prática das modalidades mais radicais. É palco habitual das mais variadas provas e destino de eleição dos que procuram turismo de aventura.

+ MAIS INFORMAÇÃO

O maciço montanhoso da Serra da Lousã encontra-se atravessado por pequenas estradas florestais, a que recorrem as organizações de desportos motorizados (BTT, Enduro, Raides Motorizados) e bem assim, os dos desportos de aventura, como sejam o Parapente, Provas de Orientação, Atletismo de Montanha, Passeios de Jipe, Caminhadas, Canoagem, BTT, Tiro com Arco, Manobras de Cordas, Escalada, Rappel, Paintball e muito mais.

Também a caça, e a pesca nos cursos de água serranos, assumem destaque progressivo, designadamente a caça ao javali, e a pesca à truta.

Mas se a componente do desporto é relevante, também o contacto com a natureza vem, cada vez mais, assumindo uma importância crescente, seja por meio de passeios pedestres ou todo o terreno, os quais permitem ao visitante, contactar com uma elevada diversidade de paisagens, algumas de notável beleza pela sua magnitude e dramatismo, permitindo ainda o contacto com a fauna variada ali existente, de que se destaca o Corço, o Veado, o Milhafre e o Javali, entre outros.

 

Descontos

na Participação em Actividades

Em parceria com empresas especializadas em Actividades na Natureza e Desportos de Aventura, a Casa da Eira proporciona-lhe grandes descontos na prática das mais variadas actividades, para que possa tirar o máximo partido do contacto com a Natureza.

Consulte os PACOTES AVENTURA ou contacte-nos para soluções personalizadas.

 

 

Em Destaque

 

CAMINHADAS AQUÁTICAS

As caminhadas aquáticas são recentes em Portugal. Trata-se de uma caminhada, mas no leito do rio. Tem a comodidade dos participantes terem fatos de neoprene e da caminhada se desenrolar num ambiente espectacular, observar espécies de árvores raras como o azereiro, mas também aves de rio, como a garça real, o melro de água ou o guarda rios. A possibilidade de ver lontras é rara, pois este mamífero é bastante esquivo, mas as marcas da sua presença são muitas.
O silêncio e o contacto com a natureza são as principais características desta actividade. É uma experiência única, num rio magnífico.

 

CAMINHADA AQUÁTICA – RIO CEIRA (Góis)

Foz da Fonte – Ponte Velha da Cabreira

Caminhada aquática pelo leito do rio Ceira. Este rio possui uma galeria ripícola bem preservada. Tem início na Foz da Fonte, um local espectacular do rio, onde no passado os habitantes locais desviaram o leito do rio Ceira, escavando um túnel na montanha. O percurso inicia-se aqui, junto ao túnel, um local que se presta para fotografias inesquecíveis, num local onde mais ninguém vai. O percurso inclui a passagem e transposição de alguns açudes através de saltos. Ao longo deste sector pode-se ver antigos moinhos, lagares de azeite, muros de propriedades agrícolas e pontes, tudo feito em xisto e lousa. A meio encontra-se um açude de uma antiga serração movida a água, que permite diversos tipos de saltos de 2 a 3 metros para um poço muito fundo. Terminamos na Ponte Velha da Cabreira, um local deslumbrante com o lagar, moinho e tulhas, tudo em pedra da região. Recomenda-se alguma destreza e resistência física. Tipo de percurso: Linear. Extensão: 2 km Duração: 4 a 5h. Dificuldade: médio, dependendo da condição física dos participantes e das condições do rio.Fato de neoprene incluído, seguros e enquadramento por monitores experientes.

 

 

MULTIACTIVIDADES

CAÇA AO TESOURO
Multiactividade em Góis com slide, rapel, btt, tiro ao alvo, tirolesa e canoagem, tudo enquadrado por um enredo específico dos romanos, onde um tesouro terá de ser encontrado, enterrado há muitos anos e até hoje nunca encontrado… O jogo faz-se com recurso a mensagens com pistas e a provas que terão de ser ultrapassadas.

 

 

MANOBRAS DE CORDAS
SLIDE, RAPEL, ESCALADA

Cerro da Candosa – Góis
Multiactividade com Slide (travessia de uma margem a outra num cabo de aço com cerca de 80m com considerável desnível entre saída e recepção), Rapel (em molinete aquando da descida da escalada ou suspenso no túnel que foi aberto para a nunca construída linha férrea) e escalada (com vias bastante acessíveis e espalhadas na encosta rochosa da margem direita, esquerda do rio e na zona do túnel).
Cenário deslumbrante com a garganta quartzitica formada pelo desgaste de séculos do rio Ceira sobre o canhão rochoso do Cerro de Nª Sra. da Candosa.
Possibilidade de incluir BTT, tiro ao alvo e canoagem.

 

 

CANYONING

Actividade que envolve a descida a pé da Ribeira da Pena, com recurso a saltos, descidas em rapel e travessias por dentro de água. Esta ribeira percorre um vale encaixado e abrupto cujo leito, margens e encostas são formados por impressionantes fragas que tornam este local quase inacessível. Por esta razão, este vale ainda serve de refugio a plantas e animais exclusivos e raros. Esta é a ribeira mais espectacular da Região Centro, onde se conjugam o cenário inóspito e selvagem (formado por inúmeras cascatas, lagoas e rochedos imponentes) com a vegetação exuberante e a vida selvagem peculiar, valendo a pena o esforço dispendido na realização desta actividade.

 

CANYONING - Ribeira de Quelhas - Serra da Lousã / Castanheira de Pêra
Quelhas é uma ribeira básica, com um troço curto e adequado para iniciação na actividade. Tem 6 rapéis interessantes com cerca de 14 a 20 metros. Tem também alguns saltos pequenos para a água e, em certos locais, é necessário realizar pequenos destrepes. Recomenda-se experiência anterior com a actividade ou pelo menos com rapel. Duração: 4/5h. Inclui o equipamento pessoal (fato completo de neoprene, capacete, arnês, etc.), seguros e enquadramento por monitores experientes.

 

 

CAMINHADA

Encantos do Vale do Ceira I – Góis
Passeio pedestre linear, onde se podem ver moinhos, lagares de azeite, conhecer a apicultura (com prova de mel), observar a flora ribeirinha, conhecer a agricultura tradicional e todo o mundo rural, estar em contacto com a natureza, ao mesmo tempo que se pratica um desporto saudável. Este local coincide com a zona do Lagar da Ponte da Cabreira, um local paradisíaco nas margens do rio Ceira. Início percurso: Candosa. Final percurso: Cabreira. Duração: 3h. Inclui guia e seguros.

 

 

DESCIDAS DO RIO MONDEGO

Penacova/Coimbra (P/Mizarela)
Descida em canoa do maior rio português, um rio largo e com uma corrente constante, indicado para a iniciação à canoagem. Tem uma envolvente natural deslumbrante com vegetação variada e inúmeras aves. Ponto de encontro: EN110 Coimbra-Penacova, junto à placa que indica Praia Fluvial – Acesso Pedonal, a 3km da rotunda da Portela (Coimbra) às 10h. Duração: todo o dia. Inclui equipamentos, seguros, enquadramento, guias e transporte de condutores entre Coimbra e Penacova.

 

DESCIDA NOCTURNA!

Penacova/Coimbra (P/Mizarela)
Uma diferente perspectiva do maior rio português, acompanhado pela fase de lua cheia e com apoios de monitores. Ponto de encontro: 21h30 na Praia Fluvial da Misarela/ Torres do Mondego (Coimbra). Duração: cerca de 2h / 8Km. Inclui equipamentos, enquadramento, guias, seguros, transporte Coimbra – Penacova. Não aconselhável a menores de 12 anos. Participantes não necessitam de trazer nenhum equipamento específico. Suplemento de fato + impermeável: 5€/pax.

 

Aventura | Lazer | Cultura | Eventos | Distâncias | Galeria

Características | Alojamento | Actividades | Condições | Opiniões | Localização | Contactos | Reservas | Mapa do Site

CASA da EIRA / Casal de Ermio / 3200-010 Lousã / Portugal / info@casadaeira.pt  / 239.991.860 / 916.191.089

© 2009 -2012 CASA da EIRA, All Rights Reserved | Created by {LISBON GRAPHICS} Web Design & Web Development